15 de mai de 2013

“Se não ler, irá saber pela boca alheia” - capítulo 04



Por Omégeni Ramos

Pimenta Bueno agitada

Tudo começou na última segunda-feira (06), parecia tudo normal, como é de praxe, dei aquela passadinha pelos corredores da prefeitura municipal. Ouvi vozes alteradas atravessando as paredes da SEMPLAM.

Em determinado momento o som das vozes começaram a aumentar e vieram em minha direção, tratava-se de dois engenheiros tratando de assuntos de interesse do município, mas é lógico que de uma forma um tanto quanto estranha, ao ponto do áudio vocal de ambos ultrapassar as paredes e chamar a atenção de todos os presentes, mas o importante é que tudo ficou resolvido e ninguém ficou ferido, somente com zumbido na via auditiva.

Será que é uma boa idéia roubar ou furtar no município de Pimenta Bueno?

Só no sapatinho Ôô, só no sapatinho Ôô... 06/05/2013

Quem pode dar essa resposta é a quadrilha especializada na modalidade sapatinho, (vários integrantes entram na agência e distraem os funcionários enquanto outro vai até a tesouraria e pratica o crime).

Essa quadrilha resolveu furtar a agência do Banco do Brasil em Pimenta Bueno, foi coisa de cinema, nenhum grito, alarme ou sequer apontamento de arma de fogo para cliente ou funcionário.

Informações dão conta que cerca de R$ 100.000,00 foram levados, mas a quadrilha foi presa no estado do Mato Grosso.  Se o sapatinho deles estivesse passado longe de Pimenta Bueno, talvez pudessem ficar mais tempo com o “pagode”.

Com arma de fogo

Na mesma semana, especificamente na quarta-feira (08), dois agentes inventaram de assaltar a Drogaria Goiás. Não deu tempo nem de sentir o cheiro do dinheiro, simplesmente levaram o dinheiro para passear, pois cerca de 40 minutos depois em um trabalho conjunto entre policiais do Núcleo de Inteligência da Polícia Militar e agentes do Serviço de Investigação e Captura da Polícia Civil – SEVIC de Pimenta Bueno, os assaltantes foram presos. Será que valeu a pena?

Ainda mesma semana

No sábado (11) uma equipe do DETRAN/RO, vinda da capital Porto Velho, com apoio de policiais militares e funcionários do CIRETRAN de Pimenta Bueno, realizaram a Operação Lei Seca, próximo ao viaduto que fica na saída para Cacoal.

Vários condutores foram abordados, alguns sopraram o bafômetro, outros não arriscaram. O trabalho de autuação era feito do mesmo jeito, caso o condutor apresentasse sintomas de embriagues. Teve gente do primeiro escalão, que caiu na operação.

Não irei citar nomes, mas posso dar um conselho para aqueles que conduzem veículos. “Planejamento é fundamental, se estiver com intenção de beber, planejar é uma ótima idéia. Convide um amigo ou parente que não beba para conduzir o veículo na volta para casa. Não se esqueça planejamento é fundamental”.

Operação em supermercado

No Dia das Mães a polícia civil, vigilância sanitária e perícia realizaram uma operação em um conceituado supermercado do município de Pimenta Bueno. Eu e outros colegas de profissão marcamos presença.

Fiquei observando as autoridades realizando o trabalho de verificação de possíveis produtos com data de validade vencida. Tive uma idéia e já coloquei em prática, fui direto à Seção de Vinhos e comecei a verificar os rótulos para separar o que estivesse com a data de validade mais antiga.

Como a alegria de pobre dura pouco, sempre tem um para de certa forma, nos entristecer. Disseram-me que no caso dos vinhos não era preciso verificar. Ai Lek Lek Lek Lek Lek.  

Colegas de profissão

Hoje finalizo parabenizando o colega de profissão Fabio Alves, do site Pimenta Virtual que foi abençoado por Deus às 18h40min desta quarta-feira (15), com o nascimento de seu filho Kaio Antunes.

Parabéns também ao apresentador do programa Cidade Agora, na TV Allamanda, Sóstenes Silva pelo seu casamento, felicidades amigão.

Até a próxima e não se esqueçam. “Se não ler, irá saber pela boca alheia”.  

Qualquer denúncia ou outro tipo de informação envie-me no e-mail: correiopimentense@gmail.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário