15 de abr de 2012

Pimenta Bueno - Milagres das inaugurações podem acontecer nesse ano de 2012: Por Omégeni Ramos



Na manhã desta terça-feira 27, uma mulher compareceu na sala da presidência da Câmara Municipal de Pimenta Bueno, solicitando o prédio-sede para velar a mãe que acabara de morrer, mas o local está proibido Pelo MP de ser cedido para velórios, sujeito a pagar multa de vinte salários mínimos por cada velório realizado.

A chefe de gabinete da Câmara, Maria Cleonice ligou para o Secretário de Obras Josias Muniz para saber se a mulher poderia entrar em contato com ele para velar o corpo da mãe na Capela, haja visto que é o local que foi construído para tal atendimento, mas ao atender o telefone o secretário disse a seguinte frase: só a semana que vem!

O que será que está faltando? Defuntos? Acho que não!

Essa Capela é para o povo ou é da secretaria de obras? Porque a demora para a inauguração sendo que o prédio já está pronto?

Será que estão achando que os que morrem na nossa humilde cidade teriam condições de ser iguais ao Pop Star Michael Jackson para ficar tantos dias em um caixão? Se fossem não precisaria de Capela!

Uma coisa eu tenho certeza, agora a Capela vai ser inaugurada, pois o Ministério Público está intervindo.

Ai o povo questiona: “Mas vocês repórteres precisam nos trazer informações sobre o que está acontecendo”.
Digo a você leitor eu já cansei de perguntar, mas não irei desistir de procurar saber o porquê dessa ou daquela obra que não foi inaugurada ainda. Afirmo nunca ter uma resposta concreta para que eu possa passar com garantia a data de concretização e muito menos de inauguração, pois todas as vezes que fui até o representante da pasta X ou pasta Y sempre me dizem: “Tal obra” será concretizada e inaugurada em breve, mas esse BREVE que é o problema.

Sempre me dizem: Já foi empenhado, já foi licitado, o dinheiro já está na conta e outras afirmações que me enchem de alegria, mas essa alegria sempre acaba rapidamente, pois o negócio não acontece!

Esse é o ano de 2012, ano de eleição, mas como já estamos quase na metade, então tenho lá minhas dúvidas.

As placas com os valores das obras do bairro Vila Nova e Triângulo Verde já sumiram.
A placa que estava no bairro Triângulo Verde (Mutirão) especificava valor de mais de R$ 1.000.000,00 (Um Milhão de Reais). A placa continha os dizeres: Pavimentação em blocos Intertravados de concreto. Nos bairros Triângulo Verde e Nova Pimenta - PRAZO DE EXECUÇÃO: 150 DIAS.

Meu Deus! No bairro Triângulo Verde, só visitando como eu visito sempre para ver que a obra foi feita nas “cochas” e se está na placa: bairros Triângulo Verde e Nova Pimenta, então onde está o bloquete do bairro Nova Pimenta?

Temos o exemplo da obra de asfalto no valor de R$: 800.000,00 (oitocentos mil reais) que iria atender alguns trechos no bairro Vila Nova. Seriam mais de 1.300 metros de asfalto que beneficiariam a comunidade e essa obra era para ter sido entregue no mês de Novembro do ano de 2009.

Aproximadamente R$ 260.000,00 (duzentos e sessenta mil reais) foram gastos no barracão que seria para atender os feirantes, mas até hoje só serve de depósito ou estacionamento da secretária de Obras.

Mais de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) foram gastos na obra do Centro de Lazer do Bairro Jardim das Oliveiras, mas fala sério, é só passar lá e comprovar que ainda não foi concretizada.

Mais de R$500.000,00 (Meio Milhão), tenho minhas dúvidas, mas acho que possivelmente foi gasto R$ 1.000.000,00 (Um Milhão) na obra do Teatro Municipal que deu uma polêmica, tendo que ser realizado o deslocamento dos feirantes, mas até agora não foi inaugurado e pelo jeito já será preciso fazer alguns reparos.

Há! Eu já estava me esquecendo, ali naquele prédio onde era um Centro Odontológico próximo ao hospital Ana Neta ao lado da feirinha de quarta-feira e estava funcionando a SEMEC, Secretaria Municipal de Educação que agora está funcionando em várias salas alugadas em frente da prefeitura, tem uma placa com os dizeres: Construção do Laboratório Anexa Unidade Básica de Saúde Madre Tereza de Calcutá e o valor é de mais de R$ 286.000,00(duzentos e oitenta e seis mil reais) teve início no final do ano de 2011, mas até o momento só foi feito muro, diga-se de passagem, muito bom, rebocado, tem até portão, mas a estrutura física do prédio até o momento levou apenas umas marretadas, mas temos que esperar, pois a obra ainda não foi inaugurada e não tem prazo de execução marcado na placa.

Mas ai eu pergunto:

De quem de verdade é a culpa?

Dos que nos representam?

De nós que os colocamos para nos representar?

Afirmo com plena certeza que a culpa é nossa sim, pois somos nós quem tem o poder de colocar o X ou o Y que possa nos representar de verdade, de forma honesta e com o compromisso com o município, bem como, com toda a comunidade.

Acham que o povo pimentense, paciente e calmo, que esperou mais de seis anos para conclusão e inauguração dos Viadutos é obrigado a esperar o mesmo tempo para receber estas obras.

Tenho várias outras obras para citar, mas deixei para o outro texto, pois ficaria muito extenso neste.

Vamos aguardar, pois esse ano é o ano de 2012 e tem eleição, vamos ver se os milagres das inaugurações acontecem.

É valido ressaltar que assim que forem entregues cada uma destas obras eu terei o maior prazer em relatar e publicar.

Omégeni Ramos

Nenhum comentário:

Postar um comentário